Editorial |
P. Nuno Rosário Fernandes
Olhar a Igreja com os jovens
<<
1/
>>
Imagem

Como olhamos a Igreja que somos? Cada vez mais precisamos olhar para dentro para nos questionarmos sobre o que somos, como vivemos como cristãos, o que queremos ou sonhamos para a Igreja? Mas, a primeira de todas as perguntas deverá ser: o que quer Deus para Igreja que é d’Ele? Tantas vezes valorizamos de tal forma a nossa vontade ou os nossos desejos que nos esquecemos de questionar sobre a vontade de Deus.

Vem esta pergunta a propósito do caminho sinodal que a Igreja está a iniciar, em todo o mundo, por proposta do Papa Francisco, com o objetivo de dar voz a todos. Escutar, mas sobretudo criar espaço para que todo o Povo de Deus se possa pronunciar com vista a gerar maior comunhão e uma Igreja mais sinodal, isto é que caminha em conjunto.

As paróquias, as diversas comunidades e movimentos de todo o mundo são chamados a este caminho, em que todos podem participar, para contribuir para uma renovação de mentalidades, numa Igreja que se abre mais, para ir ao encontro do que é a vontade de Deus.

Os jovens têm aqui um papel importante, porque a Igreja de amanhã acontecerá com os jovens de hoje. O Papa Francisco tem manifestado o desejo de que os jovens sejam mais participantes, tenham maior destaque ou maior presença na vida pastoral, até com maiores responsabilidades pastorais.

No nosso país, está a porta a Jornada Mundial da Juventude, um evento que conheceu esta semana a data da sua realização (1 a 6 de agosto de 2023) e que o Cardeal-Patriarca D. Manuel Clemente tem sublinhado ser um acontecimento dos jovens para os jovens. Por isso, com o envolvimento da juventude na preparação deste grande encontro, este será, em Portugal, um momento em que os jovens vão estar sob o olhar de todos, mas um olhar que se quer de esperança, confiança e apoio, sem julgamentos, porque o caminho para uma Igreja sinodal também acontece com a juventude.

 

Editorial, pelo P. Nuno Rosário Fernandes, diretor

p.nunorfernandes@patriarcado-lisboa.pt

A OPINIÃO DE
P. Manuel Barbosa, scj
1. Em setembro de 2008, cerca de 800 pessoas de todas as Dioceses de Portugal participaram em Fátima...
ver [+]

José Luís Nunes Martins
A vida é feita de inúmeras perdas. Todos os dias o nosso caminho segue enquanto há algo que temos de deixar para trás.
ver [+]

Visite a página online
do Patriarcado de Lisboa
Galeria de Vídeos
Voz da Verdade
EDIÇÕES ANTERIORES